Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

http://evergreen.blogs.sapo.pt

Tabaco #1: revisão da Lei

Em 2007 quando apareceu a Lei do Tabaco, para mim foi das melhores coisas que podia ter acontecido neste país. Já nessa altura a proibição deveria ter sido total. Evitava-se a diferenciação entre os estabelecimentos, em especial na restauração, entre onde se podia ou não fumar no interior. Na sua maioria os bares e discotecas permitem o tabaco, porque se equiparam com duvidosos sistemas de extracção que não evitam que se chegue a casa a cheirar a cinzeiro. Ora ontem li no iOnline as gordas que diziam “Proibido fumar em todos os locais públicos fechados a partir de Maio”, assim pumba, proibido! Achei o título espectacular mas também achei que devia ler mais informação em outras fontes. Afinal a lei vai ser primeiramente revista e ainda terá de passar pelo queridos deputados da Assembleia para aprovação. Parece que muitos dos senhores deputados estão contra a revisão da lei. Transcrevo, na integra, o que saiu no Diário de Notícias:

 

«O vice-presidente da bancada Hélder Amaral avisa que, pelo que se conhece das intenções do governo, os deputados do CDS 'são maioritariamente contra'. O CDS tem muitas reservas quanto à necessidade de fazer uma alteração profunda" nesta matéria. À esquerda, o i escreve que PS e BE estão também contra. "O socialista António Serrano defende que 'é um erro avançar neste momento com a revisão da lei'. E os bloquistas contestam, pela voz de João Semedo, 'uma espiral proibicionista que nos pode levar a soluções de terror' »

 

 

Soluções de terrrooooor!! É o pânicooo!!!

 

Eu li mesmo isto? Preciso de mais esclarecimentos destas pessoas, quais os seus argumentos para não quererem que a saúde pública seja protegida, que os trabalhadores dos sectores da restauração, bares e similares vejam os seus locais de trabalho mais seguros e saudáveis, melhorar a qualidade do ar interior e que os casos de cancro e o número de fumadores diminua. Além de que esta revisão à lei advém de uma nova Directiva da União Europeia (2014/40/EU) onde, entre outras situações, proíbe os cigarros e o tabaco de enrolar com aromas distintivos e estabelece normas de qualidade e de segurança para os cigarros electrónicos. Portanto parece-me a mim que é importante e obrigatório rever a Lei do Tabaco.

 

A AHRESP também já se manifestou contra a revisão da lei uma vez que os proprietários da restauração já foram prejudicados quando esta apareceu. Acredito plenamente nisso e com isto voltamos novamente ao início deste texto: se em 2007 tivesse sido proibido fumar em TODOS os espaços interiores já ninguém tinha saído prejudicado.

 

Senhores deputados, eu sei que deve ser um aborrecimento não poderem usufruir do vosso cigarro ou charuto à mesa do restaurante e terem que ir à rua, com frio, chuva, vento, calor para ter esse belo prazer pulmonar, mas lembrem-se que do mesmo modo que são livres para escolherem fumar, os outros também são livres para escolherem não fumar, nem o cigarro nem o vosso fumo. #25Abril4ever #votaafavor

  • Google Analytics

  • 1 comentário

    Comentar post